Mateus Herdy é vice do Hawaiian Pro

Primeiro evento da Tríplice Coroa marcou a entrada dos brasileiros Peterson Crisanto e Deivid Silva na elite do surf mundial em 2019

por Redação Almasurf, 19/11/2018
follow

O paranaense Peterson Crisanto, 23, ultrapassou a barreira dos 19 mil pontos no ranking do WSL Qualifying Series durante o Hawaiian Pro, encerrado no último sábado em Haleiwa, e confirmou sua participação no World Surf League Championship Tour 2019.

Outro brasileiro que comemorou sua vaga entre os tops durante a disputa do primeiro evento da Tríplice Coroa Havaiana foi o paulista Deivid Silva, 26, quarto colocado no evento.

“Este é um dos melhores dias da minha vida, certamente o mais importante da minha carreira. Batalhei muito por isso e quero agradecer aos que me apoiaram, minha família, amigos e patrocinadores. Tentei meu melhor em cada onda e a recompensa veio pelo trabalho. Estou muito feliz”, desabafou Silva.

Destaque também para o jovem Mateus Herdy. Com apenas 17 anos, o catarinense conquistou o vice-campeonato do tradicional campeonato, atrás apenas do legend Joel Parkinson, e entrou na lista dos dez surfistas que se classificam para a elite do surf mundial.

“Não consigo expressar toda a emoção que estou sentindo. Parece até melhor do que a vitória. Eu vim aqui só para passar algumas baterias e chegar na final com um ídolo é quase inacreditável. Eu estava preparado para surfar aqui, mas não esperava tanto e quero agradecer a força dos brasileiros e de todos aqui na praia. Foi um dia incrível”, vibrou Mateus, que agora não sabe se fica no arquipélago para defender a última vaga do CT 2019 ou parte para Taiwan em busca do título mundial Pro Junior.

Além de Herdy, o potiguar Jadson André está na lista dos dez que se classificam pelo WSL Qualifying Series. A decisão das vagas acontece nas disputas do QS 10000 Vans World Cup, a partir do dia 25 de novembro, em Sunset Beach, costa norte da ilha de Oahu.