Todo mundo contra o plástico

Ministério do Meio Ambiente lança o Plano Nacional de Combate ao Lixo no Mar enquanto grandes empresas apresentam diferentes iniciativas no setor

por Lucas Conejero, 31/03/2019
follow

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, esteve em Ilhabela na última sexta-feira (22) para o lançamento oficial do Plano Nacional de Combate ao Lixo no Mar. O projeto deve ser implantado nos próximos 18 meses e prevê medidas que devem ser adotadas para monitorar o descarte irregular de lixo na água.

Para comemorar a iniciativa, preparamos uma reportagem com uma série de ações de diferentes grandes empresas no sentido de minimizar os impactos que seus produtos causam no meio ambiente.

O plástico representa atualmente cerca de 80% de todo o lixo encontrado no mar. Estudos comprovam que para cada quilo de algas marinhas e plânctons, há pelo menos seis quilos de plástico. De acordo com a equipe do projeto New Plastics Economy, teremos mais lixo do que peixes nos oceanos até 2050.

“Essa é a hora de unir forças. Se demorarmos mais um pouco, talvez seja tarde demais”, disse o surfista chileno Ramon Navarro durante o lançamento das ações do projeto Corona X Parley no Brasil. A equipe da Almasurf concorda com o big rider e neste ano dará uma atenção especial para o tema em sua plataforma de mídia e eventos.

Nestlé

Em uma reportagem publicada no site da companhia, a Nestlé informa sua ambição de tornar suas embalagens 100% recicláveis até 2025. De acordo com a nota, o objetivo é não ter nenhuma de suas embalagens, inclusive as plásticas, descartada em aterros sanitários ou lixo.

Ainda segundo o texto, a Nestlé acredita que existe uma necessidade urgente de minimizar o impacto das embalagens no meio ambiente. A iniciativa concentra-se em três áreas principais: eliminar plásticos não recicláveis; incentivar o uso de plásticos que permitam melhores índices de reciclagem; e eliminar ou alterar combinações complexas de materiais de embalagem.

“O lixo plástico é um dos maiores problemas de sustentabilidade com que o mundo se depara atualmente. Isso só poderá ser enfrentado por uma abordagem coletiva. Estamos comprometidos em encontrar melhores soluções para reduzir, reutilizar e reciclar”, informou Mark Schneider, CEO da Nestlé.

Corona X Parley

Em parceria com a organização Parley for the Oceans, a equipe responsável pela marca de cerveja Corona promoveu no último sábado (16) no Rio de Janeiro a segunda ação da Corona X Parley no Brasil.

A iniciativa está inserida em um projeto global voltado a combater os plásticos nos oceanos e chamou a atenção da galera e dos turistas na região do Arpoador ao fechar a praia do Diabo com um muro de lixo reciclável retirado da praia de Ipanema.

A programação incluiu um mutirão de limpeza da praia e reuniu 150 voluntários, alguns deles celebridades como Sophia Abrahão, Paulinho Vilhena e Marcello Melo Jr. Em pouco mais de uma hora, o grupo recolheu 142 quilos de lixo.

Segundo a equipe responsável pelo projeto, mais de 20 praias brasileiras serão limpas durante o ano. Estão programadas também diferentes campanhas e iniciativas de mobilização e conscientização nas cidades contempladas. No mundo, o projeto já retirou mais de 1,5 mil toneladas de lixo das praias de 15 países, envolvendo sete mil voluntários.

Adidas

Em 2015, a Adidas e a Parley for The Oceans iniciaram um projeto para o desenvolvimento de um calçado inovador, produzido a partir do plástico retirado nos oceanos. Em 2016, a Adidas parou de utilizar sacolas plásticas em suas lojas.

Já em 2017, mais de 5 milhões de garrafas transformaram-se em 1 milhão de unidades da linha UltraBoost. “Este ano a meta é produzir 7 milhões de pares de calçados”, disse Eric Liedtke, membro do conselho executivo da Adidas, em comunicado à imprensa.

OMO

Chancelado pelo Clean Seas (Mares Limpos), projeto da ONU de combate à poluição dos oceanos, a OMO lançou no ano passado a primeira embalagem produzida com plástico coletado no litoral brasileiro.

Desde então, todas as embalagens do Omo Multiação passaram a incluir material reciclado em suas fórmulas. A iniciativa acontece em parceria com cooperativas de reciclagem do litoral brasileiro e inclui mutirões de limpeza de praias, que contam com apoio da WWF Brasil.