Quiksilver negocia concorrente Billabong por 110 milhões de euros

Billabong teve um 2016 difícil, com E$ 51 milhões de déficit.

por Redação Almasurf, 04/12/2017
follow

O mundo de esportes como surfe, skate, snowboard e esqui alpino está em ebulição.

A Quiksilver, tradicional marca de roupas e acessórios desse tipo de esporte, fez uma oferta de compra à sua principal concorrente, a também tradicional Billabong.

De acordo com o site do jornal inglês Daily Mail, o valor oferecido é de 110 milhões de euros. O negócio está sendo realizado porque a Billabong, que tem mais de 370 estabelecimentos espalhados pelo mundo todo, passa por uma séria crise financeira há alguns anos.

Em 2016, a empresa australiana mais do que triplicou seu déficit em relação ao ano anterior, que tinha sido de 15,8 milhões de euros, e fechou no vermelho em 51 milhões de euros.

As vendas também caíram no ano passado para pouco mais de 652 milhões de euros, uma queda de 8,9% em relação a 2015.

Atualmente, 19% do capital da Billabong pertence ao fundo Oaktree Capital Management, que também possui participação na Quiksilver.

Já a Quiksilver passou por uma reformulação entre 2016 e 2017 e passou a ser uma das marcas da norte-americana Boardriders, que também engloba outros nomes famosos dos esportes radicais, como as marcas Roxy e DC Shoes.

A Boardriders assinou com o grupo financeiro norte-americano Goldman Sachs para mediar a operação.

Fonte Dailt Mail

almasurfalmasurfalmasurfalmasurf